Ultimas

Presidente da NJPW clarifica situação de Will Ospreay no Wrestle Kingdom 16

A NJPW ainda espera que Will Ospreay e outros talentos estrangeiros tenham permissão para entrar no Japão para o Wrestle Kingdom 16. 

Em uma entrevista à Tokyo Sports, o presidente da NJPW, Takami Ohbari, afirmou que as novas restrições de viagens implementadas no Japão devido à variante do COVID-19 Omicron não se aplicarão aos talentos que já têm vistos. 

"Sob as regras atuais ... Ouvi dizer que (lutadores estrangeiros regulares) têm visto para trabalhar no Japão, então eles serão tratados como reentrada. Isso foi confirmado pelo Ministério das Relações Exteriores", disse Ohbari 

 A proibição de entrada de estrangeiros não residentes no Japão entrou em vigor a 30 de Novembro. Quem tiver permissão para entrar no país terá que cumprir a quarentena de 14 dias que está em vigor há algum tempo, pois o plano de reduzir a quarentena para três ou dez dias foi suspenso, de acordo com a Embaixada dos Estados Unidos no Japão . 

Em resposta à declaração de Ohbari, Ospreay tuitou: 
 "Shingo não pode me impedir. Okada não pode me impedir. Covid não pode me impedir. 5 de janeiro de 2022, estarei lá. " 

Ospreay está programado para enfrentar o vencedor do IWGP World Heavyweight Championship a 4 de janeiro entre o detentor do título Shingo Takagi e o desafiante Kazuchika Okada a 5 de janeiro.

Ospreay deixou o IWGP World Hevyweight Championship vago devido a uma lesão em maio, mas nunca perdeu o título no ringue. Ele voltou à NJPW em Los Angeles no Resurgence em agosto e desde então tem lutado nos shows NJPW Strong nos Estados Unidos, bem como nos shows da RevPro no Reino Unido. 
 
O Wrestle Kingdom 16 será um evento de três noites, com as noites um e dois a ocorrer a 4 de janeiro e 5 de janeiro no Tokyo Dome e transmitido na NJPW World. A terceira noite acontecerá a 8 de janeiro na Yokohama Arena e contará com o talento do NJPW vs. Pro Wrestling NOAH. Esse programa vai ao ar no pay-per-view da Abema.

Sem comentários:

Com tecnologia do Blogger.